ARARANGUÁ ESTADO DE EMERGÊNCIA




Trinta famílias já deixaram as residências na cidade do Sul de SC.
Nesta segunda (26), rio registrava 2,46 metros acima do nível normal.


30 famílias já foram retiraradas das residências, segundo a Defesa Civil (Foto: Prefeitura Municipal de Araranguá/Divulgação)

30 famílias já foram retiraradas das residências, segundo a Defesa Civil (Foto: Prefeitura Municipal de Araranguá/Divulgação)
O aumento do nível do rio Araranguá fez a Prefeitura Municipal de Araranguá decretar situação de emergência nesta segunda-feira (26). A medida foi tomada por causa do volume de chuva registrado na cidade nas últimas horas. Em medição feita pela Defesa Civil na tarde desta segunda, o rio estava 2,46 metros acima do nível normal.
Última medição apontou 2,46 metros acima do nível normal (Foto: Prefeitura Municipal de Araranguá/Divulgação)Última medição apontou 2,46 metros acima do
nível normal (Foto: Prefeitura Municipal de
Araranguá/Divulgação)
De acordo com José Fernando da Silva, subsecretário de comunicação da prefeitura, o nível do rio está aumentando quase cinco centímetros por hora. Até as 16h30 desta segunda (26), 30 famílias já haviam saído das residências, conforme a Defesa Civil. "25 famílias foram para casa de parentes e cinco estão em um abrigo montado no Centro comunitário da Vila São José. Inclusive duas pessoas estão acamadas lá", relatou José Fernando.
Durante a manhã, o prefeito de Araranguá reuniu os secretários e optou por decretar situação de emergência na cidade, já que o rio da cidade já havia passado dos 2,4 metros, o que já causa prejuízos. Segundo o subsecretário, a situação é pior nos bairros Baixadinha e Barranco.
A Defesa Civil de Santa Catarina estima que pelo menos 150 famílias que residem em áreas de risco, como deslizamentos e alagamentos, foram afetadas com as chuvas em Araranguá. Ainda de acordo com a entidade, a chuva que cai em outras cidades, como Timbé do Sul, que registrou 220 mm somente nesta segunda (26), afeta o nível do rio em Araranguá.
tópicos:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participaçao e leitura, ficamos gratos.